terça-feira, 17 de junho de 2008

E foi desta....

... que o meu pai me sentiu!

Bem, estava-me a portar tão bem neste jogo, inclusivé tenho treinado bastante lá no emprego a minha mãe. As colegas dela adoram colocar a mão na minha casinha, quando a minha mãe diz que estou a fazer ginástica. Mal elas colocam a mão, eu paro logo! Claro que o jogo repete-se quando o meu pai tenta fazer o mesmo. Todos os dias ele tenta e não consegue! Excepto ontem!

- Olha põe aqui a mão que ela está-se a mexer – Dizia a minha mãe
- A sério? Em que sitio, é já! - Dizia o meu pai, mas sem grande convicção pois a rapariga parava sempre, assim que sentia qualquer coisa da parte de fora da casa dela
- Deixa estar aí um bocadinho - Retorquiu a minha mãe
(após 1 minuto....)
- Oh Sara então agora é o jogo de saltares dentro da casinha - Dizia o meu pai a ver se me enganava.
(após 5 minutos....)
- Sara ? Oh Saraaaaaaa ? Está aí alguém? - Perguntava o meu pai já a pensar que a tentativa tinha sido mais uma vez falhada
(*Plock* na barriga)
- Sara! És tu filhota! Que alegria! - Exclamava o meu pai aos saltos

Então não é que caí, dei um trambolhão e bati com a cabeça na casinha? Ora bolas, assim o meu pai apanhou-me. É que não estava nada nos planos. Mas pronto, foi só desta vez hi hi hi

Beijocas a todos


3 comentários:

liliana disse...

Que bom!!!

O pai deve estar muito feliz!!!

Beijinhos =)

Cristiana disse...

Olá amiga,
é tão engraçado, comigo era exactamente igual!!
O R. bem q punha a mão e ela parava logo, e no trabalho... ninguém a apanhava,LOL!
Até q m lembrei desta tactica: deitava-me, barriga para cima, ao léu e depois era porem os mirones assim ao longe, tipo a ver o horizonte, e sempre q ela dava um pontapé viamos um altinho a surgir!!
Beijocas nossas

Tété & Xavier disse...

Imagino como ficou o papá.. cheio de baba!
Que saudades...
Beijos
Tété & Xavier